A importância de evitar desperdícios na produção agrícola

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +

O Brasil é um dos países que mais investe em produção agrícola. Nosso mercado agrícola é imenso e não para de crescer, focando tanto no abastecimento nacional quanto na exportação de produtos para outros países.

Afinal de contas, qual a classificação mais adequada para a área de produção agrícola nacional? Não é só de mangueira de irrigação, cortador de gramas e sementes que a indústria de produção é feita, também é preciso falar sobre sustentabilidade.

Segundo informações da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO), cerca de 1 terço de todo o alimento produzido anualmente pelo homem é desperdiçado todos os anos. Somente o valor desse desperdício de alimentos gera um prejuízo de 750 bilhões de dólares por ano ao mercado, além de ir na contramão sustentável.

O desperdício é uma grande preocupação no cenário atual de produção agrícola. Buscando alternativas sustentáveis para aproveitar melhor seus recursos e evitar a perda de produtos, o foco da produção agrícola se direciona para o combate aos desperdícios

Desperdício de Alimentos
Homem em cima de um caminhão com alimentos desperdiçados. Créditos: pexels.com

Causas do desperdício

Para entender o desperdício na produção agrícola, é preciso voltar algumas casas e entender as principais causas do desperdício. Sendo assim, o que ocasiona a perda de produtos?

As causas do desperdício em produção agrícola são inúmeras e podem ser encaradas como etapas de um processo industrial que não pensa em sustentabilidade, obtém prejuízo e não investe em soluções para o problema.

O desperdício atinge todas as etapas do ciclo de produção e distribuição da produção agrícola. Sendo assim, podemos identificar práticas inadequadas ainda no início do processo, como a má utilização de recursos que possibilitam a produção. O desperdício de água no uso da mangueira de irrigação, por exemplo, é uma das principais práticas inadequadas de cultivo.

Na sequência, podemos considerar as perdas ocorridas por danos mecânicos, como quedas e esmagamento de produtos durante seu cultivo ou colheita. Passado esse processo, também encontramos irregularidades no manuseio e armazenamento após a colheita, no qual as práticas inadequadas interferem na qualidade do produto e acarreta em seu descarte.

O ciclo de desperdício de alimentos ainda inclui problemas de distribuição e logística, tais como práticas irregulares de manuseio e transporte da mercadoria para a indústria. Por fim, temos práticas inadequadas no processamento de mercadoria em processos de produção, como na produção de sucos industrializados, e o consumo irregular, gerando altas quantidades de resíduos e descartando uma vasta quantidade de alimentos ainda próprios para o consumo.

Como evitar o desperdício?


O ciclo de desperdício agrícola acarreta em uma série de problemas ambientais e sociais. A quantidade de lixo produzida é imensa e a falta de alimento para boa parte da população mundial são os principais tópicos entre os problemas.

Para evitar que o desperdício da produção agrícola se torne ainda maior, é preciso pensar em sustentabilidade e assegurar boas práticas de cultivo, colheita, distribuição, produção e consumo.

O produtor rural que conta com uma quantidade limitada de água para mangueira de irrigação de sua colheita pode colaborar utilizando apenas a quantidade necessária, assim como grandes áreas de produção podem investir em processos de manuseio e armazenamento adequados para evitar a perda de alimento.

Faça sua parte! Evite o desperdício!

A importância de evitar desperdícios na produção agrícola
5 (100%) 1 vote
Share.

Sobre o Autor

Rodrigo Macedo é empreendedor, desenvolvedor de software e especialista em negócios digitais.

Deixe uma resposta